Bem-vindos!

Bem-vindos!

segunda-feira, 19 de março de 2012

O blogueiro mais bem sucedido do mundo



O blogueiro de 300 milhões de dólares.

Nick Denton, que fez fortuna na blogosfera com sua empresa Gawker Media, já não vê mais diferença entre os blogueiros e os jornalistas de veículos tradicionais.
Nick Denton é dono de um império digital que reúne alguns dos blogs mais acessados do mundo, como o Gizmodo, dedicado à tecnologia, e o pioneiro Gawker, de fofocas. O jornalista inglês, ex-correspondente do sisudo Financial Times, começou a erguer seu império em 2002, de seu apartamento no Soho, em Nova York. Ao contrário de tantos blogueiros, Denton apostou alto na profissionalização do formato. Reuniu uma rede de colaboradores ao redor do mundo e passou a remunerá-los conforme índices de audiência e receita publicitária, o que determinou - e ainda determina - o foco editorial: fofocas, games, gadgets, carros, sexo e, acima de tudo, escândalos envolvendo celebridades ("quanto mais ultrajante melhor", diz).
A Gawker Media atingiu tal profissionalização que Denton não se reconhece mais como blogueiro, embora ainda o chamem de magnata da blogosfera. E não vê mais diferenças entre o perfil de seus funcionários e o das redações tradicionais. Denton tem a reputação de ser um gênio ousado e um frasista mordaz (do criador do Facebook, Mark Zuckerberg, já disse ser a Angelina Jolie da internet). Em 2007, sua fortuna foi avaliada em quase 300 milhões de dólares. Nesta entrevista, ele fala sobre os rivais, a AOL, o conceito de blog e as preferências de sua audiência.
Você se vê como um grande magnata da mídia?
Eu, um novo Rupert Murdoch? Se disser que sim, devo apontar que seria numa versão bem menor que a original. Ele tem um império de mídia que engloba televisão, rádio, revistas e internet. Eu comecei com blogs. Por mais influência que tenha nessa área, ainda não estou presente em todos os setores como gostaria.
Os sites da Gawker estão entre os mais acessadas nos Estados Unidos. Isso assusta as grandes empresas de comunicação?
Temos uma base de 15 milhões de pessoas visitando os sites mensalmente. Isso só nos Estados Unidos. No mundo, são mais 10 milhões. Se fôssemos um jornal nos EUA, seríamos o segundo maior do país, logo atrás do New York Times. Mas, sinceramente, se tem alguém que assusta os jornais, são os sites de busca como Google e o Bing. Seu alcance representa uma ameaça bem maior do que a Gawker.
A Gawker profissionalizou o conceito de blog. O que você pensa hoje do formato?
Não somos mais blogueiros, apesar de continuar atuando com a mesma paixão. Os blogs viraram uma nova peça no universo da mídia digital. No começo, eles chamavam a atenção de uma audiência específica, e alguns tinham o costume de repetir as notícias publicadas em outros lugares. Com o tempo, passamos a desenvolver uma receita mais jornalística. As pessoas começaram a olhar para os nossos blogs como sites de notícias e nós acabamos mudando nosso layout para refletir isso também. Nossos funcionários viraram colunistas, editores, repórteres, e redatores. Não há mais diferença entre eles e seus colegas que trabalham nas redações tradicionais de jornais e revistas. Para dizer a verdade, muitos deles vieram dessas mesmas redações. Existe uma troca de profissionais aí. A ESPN até quis contratar um dos nossos colunistas do Deadspin (risos).

Fonte: Exame
Via


8 comentários:

Angel disse...

Eu ía dizer que eras tu!!!

um anjo

Anne Lieri disse...

Puxa!Esse se tornou profissional de blogues!Muito interessante!bjs,

LUCONI disse...

Adorei isto nossa ele se saiu muito bem, mas sabe eu ia fazer igual a Angel, dizer que era você, beijos Luconi

marciagrega disse...

Interessante! Parabéns pra ele né amiga?!

Beijão

marciagrega disse...

Interessante! Parabéns pra ele né amiga?!

Beijão

Miriam de Sales Oliveira disse...

Amiga,será q/ um dia a gente chega lá? rsss
bjks

Lilá(s) disse...

Muito interessante a informação!
Bjs

Roselia Bezerra disse...

Olá, querida
Curioso!!! Terá vida real???
bjm de paz e bem

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...